meat-bg5

Equoterapia

EQUOTERAPIA

É um método terapêutico e educacional que utiliza o cavalo dentro de uma abordagem interdisciplinar, nas áreas de saúde, educação e equitação, buscando o desenvolvimento biopsicossocial de pessoas portadoras de deficiência e/ou com necessidades especiais.

PRATICANTE DE EQUOTERAPIA

É o termo utilizado para designar a pessoa de deficiência e/ou com necessidades especiais quando em atividades equoterapêuticas. Nessa atividade, o sujeito do processo participa de sua reabilitação, na medida em que interage com o cavalo.

CAVALO

Os destinos do cavalo e do homem são inseparáveis. É conhecido e admirado o valor do cavalo na vida do homem e o quanto tem sido útil no progresso da humanidade associado á nossa evolução. O cavalo foi utilizado como meio de conquista, de imigração, de transporte, de trabalho, de veneração e de crença, na mitologia, na fabricação de soro e vacina, no lazer e no esporte.

Na EQUOTERAPIA, o cavalo é utilizado como agente:

cinesioterapêutico;

pedagógico;

de inserção social

Um dos aspectos específicos da EQUOTERAPIA é a repetição de gestos e de movimentos sem lassitude.Outra consideração que também podemos pesar é a de que as pessoas que convivem com animais são menos propensas à depressão e às frustrações e que se sentem mais úteis e dispostas à vida, desejando poder fazer mais alguma coisa pelos outros e, desta forma, sentindo-se mais capazes.

Os programas básicos da EQUOTERAPIA

Hipoterapia;

Educação/Reeducação;

Pré-esportiva;

Esportiva.

Há que se estar atento ao fato de que todas as atividades, desde as mais simples àquelas que envolvem elevado grau de complexidade, devem estar abrangidas pela doutrina, estruturada e explicitada segundo um mesmo enfoque que lhe dá unidade lhe respalda a identidade.Onde a doutrina da Associação Nacional de EQUOTERAPIA (ANDE BRASIL), é aprovada pelo Conselho Federal de Medicina (CFM).A Equipe Interdisciplinar

O Atendimento na Equoterapia é precedido de diagnóstico, indicação médica e avaliações de profissionais das áreas de saúde e educação com o objetivo de planejar o atendimento equoterápico individualizado.

A prática da Equoterapia é realizada por equipe multiprofissional que atua de forma interdisciplinar. Ela deve ser a mais ampla possível, composta por profissionais das áreas de saúde, educação e equitação, especializados na reabilitação e/ou educação de pessoas portadoras de deficiências e/ou com necessidades especiais, tais como: Fisioterapeuta, Terapeuta Ocupacional, Psicólogos, Educadores Físicos, Pedagogo, Fonoaudiólogo e outros

Composição da Equipe InterdisciplinarA composição da equipe deve levar em consideração:

O Programa a ser executado;

A finalidade do programa;

Os objetivos a serem atingidos.

A composição mínima, em princípio deve ser de três profissionais, para atuar na área de reabilitação, e em particular, no programa de Hipoterapia, será o Fisioterapeuta, Equitador e Psicólogo.

FISIOTERAPIA APLICADA À EQUOTERAPIASão muitos os que não tem a felicidade de realizarem suas tarefas independentemente ou, com toda amplitude ou liberdade de movimentos.

Fisioterapeuta: profissional generalista habilitado à prevenção, diagnóstico e tratamento de problemas fisio-funcionais, trabalhando com métodos que utilizam de recursos físicos com a finalidade de restaurar, desenvolver e conservar a capacidade corpórea humana (na equoterapia ocorre movimento que pode ser conduzido de forma terapêutica, ou seja, a cinesioterapia).

A EQUOTERAPIA e seus benefíciosDentre muitos, podemos destacar os seguintes:

* melhora o equilíbrio e a postura;* desenvolve a coordenação de movimentos entre tronco, membros e visão;

* estimula a sensibilidade tátil, visual, auditiva e olfativa pelo ambiente e pelos trabalhos com o cavalo;

* promove a organização e a consciência do corpo;

* desenvolve e modulação tônica e estimula a força muscular;

* oferece sensação de ritmo;

* aumenta a auto-estima, facilitando a integração social;

* desenvolve a coordenação motora fina:

* estimula o bom funcionamento dos órgãos internos;

* ajuda a superar fobias, como a de altura e de animais;

* estimula a afetividade pelo contato com o animal;

* melhora a memória, concentração e seqüência de ações;

* motiva o aprendizado, encorajando o uso da linguagem;

* ensina a importância de regras como a segurança e a disciplina;

* aumenta a capacidade de independência e de decisão em situações diversas;

* promove a sensação de bem-estar, motivando a continuidade do tratamento.

Contra-indicações e precauções ao tratamento

Conforme forem os objetivos do tratamento, alguns dos casos a seguir mencionados podem ser atendidos pela EQUOTERAPIA, desde que a coluna vertebral seja pouco exigida nas atividades contra a ação da gravidade. Em outros casos, os trabalhos podem ser propostos em decúbitos para integração sensorial, aproximações com o cavalo, etc.

Os casos aos quais deveremos estar mais atentos são:

* Quadros inflamatórios e infecciosos;* Cifoses graves e escolioses acima de 30 graus (evitar posturas verticais);

* Luxação e sub-luxa* Crânio com área aberta, sem fechamento ósseo;

* Instabilidade nas articulações vertebrais por frouxidão ligamentar cervical (mais específico aos portadores da S. de Down);

* Extensão cruzada de membros inferiores e espasticidade sem mobilidade;

* Osteoporose;

* Processo inflamatório no reumatismo;

osteogênese imperfeita;

* Espinha bífida;

* Hérnia de disco intervertebral;

* Epilepsia;

* Obesidade (risco à segurança, maior quando associado à hipotonia);

* Alergia ao pelo do cavalo ou medo excessivo;

ção de quadril;

O trabalho do FISIOTERAPEUTAJunto ao praticante, o fisioterapeuta interpreta seu diagnóstico, compreende seus limites e lhe dá condições para superá-los a partir do seu potencial, lembrando que, na equoterapia, o cavalo é o estimulador sensorial e motor do praticante e que a função do fisioterapeuta durante a sessão é conduzi-la de modo a facilitar a realização dos movimentos normais e inibir a realização de anormais

No Frame

Apaixonados por uma causa ...

Filiado a ANDE Brasil

Localização

Sitio Limoeiro Nº 100, Milagres - Ceará,

Cel: (88) 9967-8189 / 8853-1003 - (85) 9911-5502/8807-1512

Email: kbsequo@hotmail.com

Sem título-4.png

Desenvolvido por Renildo Campos

Novidades